Blog Realizarte Palestras

Falando de Saúde, Segurança do Trabalho e Motivação!

Saúde do trabalhador no ambiente de trabalho

Saúde do trabalhador: dicas para uma rotina de trabalho saudável

SIPAT online

Você trabalha sentado em frente ao computador e, durante aquelas oito horas do turno, não se levanta nem para ir ao banheiro? As horas passam e os seus olhos não saem da planilha, a pausa para o almoço acontece ali mesmo no seu posto e a comida é consumida sobre o teclado?

Então saiba que assim como você, essa também é a realidade de muitos trabalhadores brasileiros. Isso porque a intensa rotina de cobrança e a alta competitividade do mercado exigem cada vez mais deles. Sem falar na celeridade com que tudo acontece: uma realidade ditada pela instantaneidade da comunicação e das tecnologias da informação.

Sim, a Era da Informação trouxe mais horas de trabalho e uma expectativa de atendimento de demandas que, muitas vezes, se sobrepõe às capacidades humanas. Só se esqueceram de programar o corpo para dar conta de tudo isso ao mesmo tempo.

Felizmente ou infelizmente, a máquina humana não é como um sistema de computador, que se atualiza de acordo com a entrega. O tempo passa e os problemas de saúde decorrentes desse movimento começam a aparecer. E aos poucos e inevitavelmente, o corpo e a mente logo dão sinais de que está na hora de rever seus hábitos no trabalho.

Dados do Ministério do Trabalho e Emprego comprovam que entre 2009 e 2015 mais de 97 mil trabalhadores foram aposentados por invalidez, em razão de transtornos mentais e emocionais. Isso sem contar os afastamentos por questões físicas. E para evitar que você passe por isso, vamos a algumas dicas importantes:

Respeite a interjornada

De acordo com a Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), o trabalhador precisa de 11 horas consecutivas de descanso. Procure respeitar esse limite. Além de ser um direito seu, esse pode ser um bom momento para se desligar completamente dos assuntos do trabalho. Aproveite pra dormir e relaxar.

Dinâmicas para SIPAT

Se alimente bem

O corpo humano precisa de combustível. Se você ficar sem comer poderá perder rendimento, e isso não é algo que você queira. Beba bastante água e não deixe de ter um momento para um almoço ou lanche. Isso ajuda a aliviar a tensão diária.

Observe a postura

Já ouviu falar em Dort? Os Distúrbios Osteomoleculares relacionados ao Trabalho são resultados de posturas inadequadas ou anti-ergonômicas, e eles são mais comuns do que se imagina. Portanto, procure se informar sobre qual é a posição adequada para a atividade que você exerce. Se envolver um computador, verifique se o monitor está na altura dos olhos, se a cadeira está ajustada ao corpo, de forma a deixar a coluna ereta, e se os pés estão tocando o chão.

Evite a LER

A Ler – Lesão por Esforço Repetitivo também é um velho conhecido das clínicas médicas do trabalho. Ela ocorre muito frequentemente em quem trabalha com digitação ou trabalhos manuais. A Ler causa dores fortes e pode te impossibilitar de trabalhar definitivamente. Por isso, no decorrer do dia, faça pausas e, nesses momentos, busque levantar, andar um pouco e alongar os músculos. Procure fazer isso ao menos duas vezes ao dia, com intervalos de 20 min cada parada.

Saúde de dentro para fora

O ambiente de trabalho acaba sendo uma extensão da vida das pessoas. Afinal, tem gente que passa mais tempo no trabalho, com os colegas, do que em casa, com familiares e amigos. São 8 horas, e em alguns casos, até 12 horas de convivência. Por isso, tente manter o clima de harmonia nesse local. Uma atmosfera de tensão e conflitos pode afetar sua saúde. Busque estar disposta, procure uma atividade física, não leve seus problemas para o trabalho, e procure sempre agir com calma e educação, ouvindo as pessoas e respeitando os seus espaços.

Sugira melhorias

Uma informação importante: existe uma Norma Regulamentadora, a NR17 que trata justamente das condições ambientais mínimas para gerar conforto e segurança ao trabalhador. Ela deve ser cumprida por todas as empresas, que podem aliar os cuidados com o ambiente: iluminação, temperatura, salubridade, mobiliário, ao da saúde: postura, carga manual suportada, programas de ginástica laboral. Portanto, fique atento. Se na sua empresa não tem funcionado, seja o primeiro a conversar com seu superior e sugira melhorias.

Se você gostou desse conteúdo e deseja se aprofundar um pouco mais nele, continue nos seguindo! Estamos sempre trazendo informações relevantes sobre esse assunto. Caso tenha restado alguma dúvida, você pode deixar um comentário ou entrar em contato com nossa equipe!

Quer receber conteúdos de qualidade?

Inscreva-se em nosso newsletter e seja o primeiro a receber todas as novidades que surgirem por aqui em seu e-mail!

Pesquisar

Segurança do trabalho Guia passo a passo para montar a SIPAT
, , ,
O que é plano de emergência?
4 dicas para eliminar os acidentes de trabalho com dinâmicas interativas

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.